MALDIVAS

Hey dreamers,

Estou ansiosa por partilhar com vocês tudo sobre as nossas férias maravilhosas.

No início do ano, começámos a pesquisar os possíveis locais que queriamos conhecer e os escolhidos foram Mauricias, Zanzibar e Maldivas. A nível de orçamento andavam todos mais ou menos dentro do mesmo valor, mas a verdade é que ir às Maldivas era o meu sonho de viagem. Gostamos bastante de locais tranquilos, repletos de mar e vegetação de preferência com poucos lagartos (quem me acompanhou pelo instagram no decorrer desta viagem sabe o meu terror no que toca a lagartos “lol”). As Maldivas são conhecidas pelo seu imenso mar azul turquesa, cristalino e de ótima temperatura, o suficiente para me conquistar à primeira vista.

Como vocês sabem, eu não adoro de todo andar de avião, mas também não me impede de sair para conhecer o mundo. Não é uma viagem fácil, são no minímo 14 horas de viagem sem contar com as escalas. Partimos de Lisboa com a Turkish Airlines até Istambul numa viagem de 4:30h e por lá fizemos uma escala de 10h, que foi sem dúvida a parte menos boa destas férias e para vos ser sincera, nem sei como essas 10h passaram tão rapidamente. De seguida, partimos de Istambul novamente com a Turkish Airlines até Malé numa viagem de 8:30h.

Chegando à capital das Maldivas, aguardámos cerca de mais 2:00 H até ao nosso voo doméstico (para quem não sabe, é o termo utilizado para um voo de curta duração entre dois aeroportos de ilhas próximas) com a duração de 30 minutos e de seguida fomos de barco por mais 15 minutos até à ilha onde se encontrava o nosso hotel. O pôr do sol presenteou-nos com umas cores maravilhosas, senti logo que seriam uma férias incríveis e um local que iria deixar muitas saudades.

As tarifas nos hotéis variam muito conforme o tipo de regime que se escolhe e por isso mesmo, optámos por ir com pensão completa (PC) e digo-vos já que foi a melhor opção. Tivemos direito às 3 principais refeições e tinhamos diariamente direito a água no quarto e em todas as refeições. Pelo que me fui apercebendo ao longo das férias, as pessoas que iam com tudo incluído (TI) tinham para além do que nós já tinhamos incluído, algumas bebidas alcoólicas e o lanche. Sinceramente, por mais 500€ acho que não se justifica ir com TI até porque eram poucas as bebidas que estavam incluídas, muitos hóspedes acabavam por pagar por certas bebidas e no que toca ao lanche, achei que era pouco variado. No que toca às refeições que tínhamos direito (pequeno almoço, almoço e jantar) achei que tinha alguma variedade e inclusive tinha uma parte para vegetarianos e vegans. Claro que os temperos e a forma de confeção é bastante diferente à nossa, mas de uma forma geral, tinham boas opções e variedade.

A ilha onde está situado o hotel em que ficámos, é uma das ilhas com maior dimensão e para conseguirmos chegar a todo o lado a qualquer hora, optámos por alugar bicicletas que nos deram um “jeitaço”. Por lapso, não fotografei o interior das casinhas onde ficámos, sendo que foram 7 dias no Superior Beach Bungalow e 1 dia no Water Bungalow, mas deixo-vos ficar o link:

https://sunisland-maldives.com/accommodation#superior

https://sunisland-maldives.com/accommodation#water

Na minha opinião, o melhor é optarem por ficar uns dias em cada lado para variarem a experiência, porque é tão incrível saírem do Superior Bungalow Bungalow e dar uns míseros passos e estão na água com um mundo de areia práticamente só para vocês como descerem as escadas privadas do Water Bungalow e darem um valente mergulho. A nível de luxo os Water Bungalow são um pouco mais requintados mas digo-vos já que luxo é estar numa ilha daquelas com aquele mar fenomenal.

Como devem calcular, os dias passaram a voar, ainda nem acredito que já se passaram praticamente 15 dias desde que partimos em viagem, mas faz parte e todos nós sabemos que o que é bom passa rápido. O hotel disponibiliza sem custos adicionais 2 desportos aquáticos, snorkeling e canoagem os restantes têm custos. Naquele mar, tudo vale a pena e se tiverem oportunidade e gostarem, levem a vossa própria máscara de snorkeling à superfície.

Outra atividade gratuita que podem e devem aproveitar é a ida à ilha onde se situa o Hotel Holiday Island Resort que dispõe de espaços giros para uma bela de uma sessão fotográfica.

No dia em que fomos, o tempo decidiu surpreender-nos com uma chuvada e não conseguimos aproveitar nada, nem nos dias seguintes, porque o sol não se fez ver mais. Contudo, não desesperem porque aquele mar continua maravilhoso e como automáticamente a chuva faz com que o clima arrefeça, o mar parece ainda mais quente e torna-se numa piscina aquecida.

Por falar em piscina, o Sun Island Resort and Spa, o hotel em que ficámos hospedados, dispõe de uma mega piscina, mas nenhum de nos colocou lá os pés, pois tínhamos aquela piscina natural de mar né!!!

No que toca à animação não elevem as vossas expetativas e muito menos a comparem à animação do Caribe porque nas Maldivas o máximo que vão ter é uma noite de karaoke ou uma banda ao vivo. É tudo mega tranquilo e a verdade é que se vocês forem madrugadores como nós, nem vão sentir falta das festas. Claro que não lhes fazia mal nenhum incluírem mais animação, mas ficar pelo bar da praia a ouvir uma musiquinha também cai bem, acreditem. Por norma as 18:00h já está praticamente de noite, por isso aproveitem a ilha logo bem cedinho.

Malta, o que é que eu vos posso dizer mais?! É um local lindo, lindo, lindo com temperaturas que rondam os 32Cº (na semana em que fomos) e com um mar magnífico que ronda os 28Cº. Deixo-vos ficar mais imagens para se deliciarem com este paraíso e no final algumas dicas. Se tiverem qualquer dúvida ou curiosidade estou deste lado para vocês.

Beijocas

DICAS

Repelente para mosquitos (eles atacam bem por lá);

Proteção solar elevada (foi até agora o local em que senti que bronzeei com mais facilidade mas também se apanha escaldões com ainda mais facilidade);

Trocar euros por dólares;

Alugar bicicleta;

|Para verem mais sobre as Maldivas passem pelo meu Instagram|

Anúncios

O MELHOR MORA CÁ DENTRO

O nosso país é realmente incrível,

Temos praias maravilhosas rodeadas de uma beleza única. Eu cá, gosto sempre de manter os mesmos sítios por perto, dizem que devemos voltar aos sítios em que já fomos felizes e eu tento sempre manter a tradição. Albufeira, Portimão, Lagos, tanto faz, a minha escolha é quase sempre a mesma, Alporchinhos especificamente Praia da Cova Redonda. Depois, como tem ao lado mais outra que eu adoro, aproveito e dou sempre uma saltada até essa, que é a praia da Senhora da Rocha. 

Processed with VSCO with a4 preset

A ideia que tenho, é que o Algarve, é um destino que nos permite fazer praia por mais tempo, por isso, ainda vão a tempo de dar uma saltada até lá. Eu cá, aproveitei muito bem o meu verão mas, confesso que já não tenho vontade nenhuma de me esticar numa toalha e apanhar banhos de sol. 

Contudo, deixo-vos ficar as praias por onde passei. Se não conseguirem aproveitar este ano, ficam na mesma a saber quais são e para o próximo ano já têm mais umas praias para visitarem.

Beijocas

IMG_3596IMG_3594Praia da Cova Redonda

FullSizeRender 3FullSizeRender 4Praia privativa do resort Vila Vita

IMG_3597IMG_3598IMG_3599FullSizeRender 2.jpgPraia da Senhora da Rocha 

CORES TROPICAIS

Os brunches, definitivamente, vieram para ficar!!!

Se são do tipo de pessoa que adora quebrar a rotina alimentar, não podem deixar passar em branco o belo do brunch.

Num destes domingos, decidimos passar o dia no porto e experimentar o brunch do Zenith. Sou fã de ovos e recentemente fiquei fã de ovos poché que são qualquer coisaaaaa!!! Optei por comer uma tosta barrada com abacate, ovos poché, bacon e molho holandês. Estava uma delícia e para acompanhar, escolhi um chá frio de pêssego sem açúcar. Esta é uma das várias opções que o Zenith tem ao vosso dispor. Apresenta uma grande variedade de escolhas ao nosso dispor. 

Acabamos por passar a tarde no Base, um espaço ao ar livre muito agradável situado no Passeio dos Clérigos que funciona como esplanada, mas ao mesmo tempo, organiza atividades de saúde e bem estar, culturais, desportivas e festivas.

Despeço-me deixando-vos ficar algumas fotos dos locais e do outfit escolhido. Se for o caso, boas férias.


Beijocas 

 

FullSizeRenderIMG_1384IMG_1385IMG_1380IMG_1409IMG_1386

Anel : Pandora |Carteira: Primark | Colar: Pura Filigrana \ Saia: Zara | Sandálias: Zara | Óculos de sol: Unno | Top: Feito à mão (já tem 3 anos)

PARAÍSO AFRICANO

Olá “praieiros”,

Estou de volta e desta vez, par vos contar tudinho sobre as minhas férias na Tunísia.

Foi sem dúvida uma aventura daquelas, acho que nenhum de nós ia descansado. Foi a primeira vez que em toda a minha vida fui desconsolada, viajar sem aquela ansiedade de chegar ao destino. Para piorar, decidimos na noite anterior ao voo de ida, pesquisar pelo querido google tudo e mais alguma coisa sobre a Tunísia. Ou seja, começamos logo mal. Uma pessoa já estava cheia de medo e depois de ler aquelas “coisadas” fica tudo menos motivada. 

O que é certo é que as viagens estavam pagas e não havia nada a fazer. Ou ia-mos ou perdia-mos o dinheiro todo. Verdade seja dita, as meninas da agência foram incansáveis, super cuidadosas, prestáveis e principalmente, tiveram sempre o cuidado de referenciar o destino como sendo seguro.

Para nosso azar, o voo atrasou-se quase 3 horas (boaaaa, ainda mais alguma coisinha negativa à mistura) o que nos fez chegar ao aeroporto de Túnis-Cartago perto da 1h da madrugada. Tinha-mos pela frente cerca de 1:30H de viagem até ao hotel e como já era tarde (e de noite), a paisagem mal se via. Lá chegamos ao nosso hotel passada hora e meia de viagem. Fizemos o check in e “pumbas” para os quartos. Estávamos super cansados por isso, foi deitar e dormir como uns bebés. 

Eram 9:00 da manhã quando acordamos e fomos tomar o pequeno almoço. Ainda não estávamos 100% convencidos “lol” até que, chegamos ao lobby do hotel e nos deparamos com aquela vista incrível da parte exterior e da decoração do hotel. Bem malta, melhorou bastante o nosso humor, confesso, e depois de um bom pequeno almoço, ui ui já só faltava a cereja no topo do bolo. Pois, mas onde estava ela??? na praia meus amores na praia. Quando demos de caras com aquela praia e mar , “bemmmmmm” foi a alegria total.

IMG_9646IMG_0362IMG_0775

A partir daí, só vos tenho a dizer que foram das melhores férias que tive até hoje. Não me senti insegura uma única vez. O staff do hotel era super simpático, a comida ótima e a praia era vigiada diariamente por polícias. Tivemos ainda a sorte de conhecer um casal super simpático do norte, que se juntou a nós, a partir do terceiro dia. 

No nosso último dia por lá, no dia em que tinha-mos voo da parte da tarde, combinámos com o guia turístico do nosso hotel, fazer uma excursão para ficarmos a conhecer alguns lugares mais emblemáticos da Tunísia. Foi sem dúvida, uma manhã muito bem passada, fomos à medina de Tunes, onde podem fazer umas belas comprinhas com as coisas típicas deles, passámos pelas ruínas de Cartago e terminamos em Sidi Bou Said que é só a aldeia mais gira de sempre. 

Para finalizar, deixo-vos ficar algumas curiosidades à cerca das férias. Devem sempre regatear o que quer que seja que comprem por lá. Quer seja na praia quer na medina, pois é algo que faz parte da cultura deles.  A água é limpissima e tem uma cor espetacular. Já estive nas Caraíbas e a água não era tão boa visualmente. A partir das 5:30 da manhã já tem sol e as 7:30 já conseguem estar com o esqueleto ao sol. Falam árabe e francês e dominam bem o inglês na hotelaria e turismo. Fica também no final, o link do hotel, da agência e do operador. Qualquer dúvida ou curiosidade disponham.

Beijocas

FullSizeRender 26.jpgFullSizeRender 19FullSizeRender 22FullSizeRender 25IMG_0469IMG_0787FullSizeRender 18IMG_0286.JPGIMG_0323.JPGFullSizeRender 27

 

https://www.iberostar.com/pt/hoteis/sousse/iberostar-diar-el-andalous

http://www.bestravel.pt/agencias/detalhe/?id=142

http://www.soltropico.pt